CriançaSemRisco

domingo, 22 de abril de 2012

Que é feito dos filhos que sobram da guerra entre os pais?

"Que é feito dos filhos que sobram da guerra entre os homens e as mulheres?" no Público de 22/04/2012. A poucos dias de se assinalar o Dia Internacional de Consciencialização da Alienação Parental, esta é uma leitura a não perder sugerida pela Alda Portugal na página de Facebook do Blog Crianças em Risco.

Aqui fica um pequeno excerto que me parece importante sublinhar.

..."Esta guerra ideológica em torno do tema da alienação parental, explorada por ambas as partes de forma demagógica e como se fosse um problema de género, tem sido extremamente prejudicial à defesa dos interesses da criança", considera Catarina Ribeiro, docente da Universidade Católica e psicóloga no Instituto Nacional de Medicina Legal. Defende que o termo "é o menos importante": "O comportamento descrito como alienação parental existe e é relevante. É verdade que em caso de litígio há acusações de abusos sexuais falsas e verdadeiras - e o que é que se faz perante isto? Não se discute como havemos de lhe chamar - estuda-se, investiga-se e criam-se condições para um despiste rápido e eficaz das falsas acusações", defende."...

ADC