CriançaSemRisco

quarta-feira, 17 de abril de 2013

A Leveza do Peso

Porquê uma rubrica sobre trauma?

Os leitores deste blog conhecem o percurso profissional que fui realizando na área do sistema de proteção, quer trabalhando em contexto de Comissão de Proteção quer em contexto de acolhimento institucional de crianças. Gosto de afirmar que neste percurso fiquei sempre com um pé dentro e outro fora da sala clínica do psicólogo.

No último ano voltei a focar-me na clínica e no potencial da sala do psicólogo. O foco surgiu de um desafio lançado pelo Dr. Nuno Lobo Antunes de organizar uma consulta para crianças e famílias adoptivas. Voltei aos livros, aos artigos com o intuito de procurar pistas e ideias sobre a operacionalização de uma consulta específica que ajudasse os pais a criarem contextos relacionais seguros para crianças que tiveram um início de vida marcado por histórias traumáticas de abuso e negligência.

Nesta viajem que iniciei sensivelmente há doze meses, acabei por renovar a minha paixão pela intervenção clínica com crianças. Este é um regresso que faço com menos certezas nas teorias, com um olhar mais crítico face às metodologias e com uma profunda convicção que é essencial sermos criativos no trabalho clínico e com a certeza absoluta que é impossível desempenharmos um bom trabalho se não criarmos um contexto humilde de trabalho colaborativo com famílias e colegas no qual vamos aferindo caso a caso quais as melhores intervenções.

É neste contexto de trabalho colaborativo que nasce esta rubrica dedicada à temática do Trauma no blog CriançaSemRisco. Com frequência quinzenal, será publicada aos sábados, uma nova reflexão pessoal sobre o tema. Espero que cada uma das reflexões seja suficientemente desafiadora para gerar comentários, questões, perguntas!

O primeiro texto será publicado no próximo sábado dia 19 de Abril.

PVS